VIOLÊNCIA: Apenado monitorado de tornozeleira eletrônica é executado com pelo menor 15 tiros no 2° Distrito de Ji-Paraná

A vítima estava sofrendo ameaças de morte de uma facção criminosa...

2
581

No final da tarde desta segunda-feira (14), a Polícia Militar do 2° batalhão fez o registro de mais um assassinato, desta vez a vítima identificada como sendo o apenado Leoni Pereira de Oliveira, de aproximadamente 30 anos, conhecido no mundo do crime como “nego Johnson” que era monitorado por tornozeleira eletrônica, foi executado por pelo menos 15 tiros de pistola, na frente de uma residência localizada na Avenida Amazonas, bairro Primavera, 2° distrito do município de Ji-Paraná.

De acordo com informações que a Polícia obteve no local junto as testemunhas, a vítima estava na frente da casa quando foi surpreendido por dois bandidos que estavam ocupando uma motocicleta e o passageiro já desceu efetuando os tiros, onde a vítima mesmo atingida correu para dentro da casa e acabou levando outros tiros tendo morte instantânea.

Uma equipe da delegacia de homicídios esteve no local e parentes da vítima relataram que Leoni estava sendo jurado de morte por parte de uma facção criminosa. Após a conclusão da pericia o corpo do homem foi liberado para uma funerária de plantão. O caso segue investigado como acerto de contas.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here