MONSTRO: Monitorado da justiça estupra e mantém a mulher grávida de nove meses em cárcere privado

O suspeito após ser denunciado fugiu tomando rumo ignorado....

0
778

O apenado monitorado por tornozeleira Eduardo Falcão Maia, 20 anos, está foragido após ser denunciado pela esposa, um mulher de 32 anos, que está grávida de nove meses, de está sendo mantida em cárcere privado e estuprada pelo suspeito, que é usuário de drogas e na noite do último Domingo (22), Eduardo chegou sob efeito de drogas e passou a agredir-lá fisicamente e manteve relação sexual a força.

Uma vizinha ouviu os gritos de socorro e achou por bem acionar a Polícia Militar que manteve contato com a delegacia de proteção a mulher e os policiais foram até a casa localizada na Avenida Rio de Janeiro, bairro Mato Grosso, mas o suspeito não foi encontrado. A mulher foi levada até a delegacia onde prestou esclarecimentos e disse que seu marido estava preso e saiu de tornozeleira eletrônica da Sejus e nos últimos dias ele a cortou e deve ter jogado em algum lugar.

A mulher foi para a casa de um família e o suspeito deve ser preso a qualquer hora pelos crimes que está infringindo e retornará para o regime fechado perdendo o benefício.