Irmão de homem que matou e esquartejou colega de trabalho vai à polícia e confessa também participou de crime brutal

Diante dos fatos, o delegado também pediu pela prisão preventiva do outro suspeito, que tem 21 anos...

0
196

Após a justiça ter decretado na quarta-feira, 31, a prisão preventiva do jovem de 18 anos que confessou ter matado e desmembrado o caseiro de uma fazenda localizada a cerca de 60 km de Vilhena na noite do dia anterior, o irmão do suspeito também se apresentou à polícia e afirmou ter participado do crime.

Segundo o delegado Núbio Lopes (FOTO), titular da Delegacia de Homicídios de Vilhena, em seu depoimento, J. S. R., que foi até a delegacia poucas horas depois de cometer o crime, já tinha relatado que o irmão havia presenciado a cena, porém, não tinha participado de nenhuma forma do bárbaro assassinato, que foi cometido após uma bebedeira.

No entanto, após a justiça deferir pela prisão se J., o irmão dele também procurou a delegacia nesta manhã e relatou ter participado, sim, da morte do caseiro, inclusive, deu detalhes que bateram com a cena encontrada pelos policias e que faltavam para o entendimento completo da situação que antecedeu e ocorreu após o assassinato.

Diante dos fatos, o delegado também pediu pela prisão preventiva do outro suspeito, que tem 21 anos (3 a mais que o irmão) e a justiça, mais uma vez deferiu, sendo ele conduzido para a Casa de Detenção onde, juntamente com o familiar que fez a primeira confissão, aguardará julgamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here