Connect with us

Geral

Coren Rondônia repudia demissão em massa de profissionais emergenciais do Estado

Publicado em:

on

Os profissionais da Enfermagem estadual foram surpreendidos no final da tarde desta terça-feira (14) com a publicação de uma listagem com os nomes para demissão em massa de todos os enfermeiros e técnicos emergenciais contratados durante a pandemia.

Considerando o subdimensionamento de profissionais nas unidades hospitalares de Rondônia e o déficit que já existia antes do período pandêmico, o Conselho Regional de Enfermagem (Coren-RO) avalia como absurda a decisão do governo estadual.

Com a demissão dos profissionais, escalas e setores sofrerão baixa expressiva e a assistência ficará alarmantemente comprometida, além de gerar maior sobrecarga aos servidores efetivos da Enfermagem do Estado, já exauridos pelos excessos de plantões e perdas salariais e emocionais.

O Coren Rondônia, prezando pela qualidade da assistência e o cumprimento da legislação da Enfermagem, irá fiscalizar as unidades de saúde estaduais e entrar com representação junto ao Ministério Público para evitar o iminente colapso que deverá se instalar no atendimento à saúde rondoniense.

 

FONTE: ASSESSORIA

Faça um comentário

Geral

Homem invade casa para matar seu próprio amigo mas acaba levando tiro na cabeça, na zona Leste de Manaus

Publicado em:

on

Manaus (AM) – Na noite deste sábado (16), um homem, ainda não identificado, foi baleado na região da cabeça após invadir a casa do próprio amigo para matá-lo. O caso aconteceu na rua Santo Agostinho, no bairro Coroado, na zona leste de Manaus.

De acordo com informações preliminares, o homem teria passado o dia todo na casa desse amigo, bebendo e jogando baralho. Quando anoiteceu, ele foi embora, mas por volta das 20h, decidiu voltar para matar o dono da residência.

No entanto, o dono da casa conseguiu desarmar o homem e atirou contra a cabeça do mesmo. Em seguida, fugiu do local.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado por populares e rapidamente socorreu o homem, ainda com vida. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) deve investigar o caso.

VIA: CM7

Faça um comentário

Continue lendo...

Geral

“Nossa prioridade é o que mata”, diz secretário de Atenção Primária à Saúde sobre absorventes

Publicado em:

on

O veto do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) à distribuição de absorventes para mulheres carentes pegou muito mal até em setores que costumam apoiar o governo, como os partidos do Centrão, e está motivando esforços em vários níveis para tentar recuperar o prejuízo de imagem.

Depois de a ministra Damares Alves, da Mulher, Família e Direitos Humanos, recuar do discurso inicial e dizer que planeja um programa para distribuir esses itens básicos de higiene, um representante do Ministério da Saúde, o secretário de Atenção Primária à Saúde, Raphael Câmara, alega que, embora o governo tenha “interesse total” em abraçar a ideia, não sabe de onde tirar recursos. “Prioridade é o que mata”, afirmou Câmara em entrevista ao Metrópoles.

Para o auxiliar do ministro Marcelo Queiroga, a prioridade no investimento de recursos insuficientes deve ser em ações que ele considera mais urgentes. “É óbvio que o interesse é total, inclusive eu sou ginecologista, eu sei que isso é um problema grande. A questão é de onde vai vir o recurso. O dinheiro do SUS não brota, a gente tem um orçamento de R$ 143 bilhões, e quando qualquer programa novo entra alguma coisa tem que sair”, argumenta o gestor.

“Então, a gente tem uma questão de prioridade, prioridade é o quê? É o que mata, é o que adoece”, completa.

Apesar de não matar, a falta de absorventes é um problema grave para milhões de mulheres carentes, sobretudo para aquelas em idade escolar, que muitas vezes faltam às aulas por não se sentirem seguras no período menstrual. Atualmente, uma em cada quatro brasileiras não tem acesso a absorventes, aponta o relatório Livre para Menstruar, do movimento Girl Up – uma iniciativa global da Organização das Nações Unidas que busca promover a igualdade de gênero – em parceria com a empresa Herself.

 

*Com informações do metrópoles

 

 

Faça um comentário

Continue lendo...

Geral

China expõe sua nova cápsula espacial

A espaçonave experimental ficou em órbita por dois dias e 19 horas, durante as quais realizou uma série de experimentos científicos e tecnológicos, segundo a Agência Espacial Chinesa para Missões Tripuladas (CMSA, China Manned Space Agency).

Publicado em:

on

Por:

A Corporação Chinesa para Ciência e Tecnologia Aeroespacial (CASC) está mostrando ao público, pela primeira vez, sua nova cápsula espacial, que será usada em futuras missões tripuladas do país. Segundo o Space a espaçonave, que já foi testada em órbita, está em exposição no evento Airshow China 2021, na cidade de Zhuhai, província de Guangdong.

Reutilizável, e ainda sem nome, o veículo pode levar até sete astronautas à Estação Espacial Tiangong, capacidade equivalente à Crew Dragon da SpaceX, ou três astronautas e 500 kg de carga. As cápsulas Shenzhou, usadas em todas as missões tripuladas chinesas até o momento e derivadas da russa Soyuz, transportam apenas três astronautas.

Em 5 de maio de 2020 a nova cápsula foi lançada ao espaço, sem tripulação, a bordo de um foguete Longa Marcha 5B. O lado direito do veículo levava suprimentos para verificar a capacidade de carga, enquanto o lado esquerdo foi configurado como uma sala de estar para os astronautas, com uma mesa dobrável e um banheiro.

A nova cápsula espacial chinesa pode levar até sete astronautas à órbita da Terra. Imagem: CCTV.

“Conseguimos avanços significativos em proteção térmica e controle de precisão para o retorno e reentrada, bem como no projeto do motor e pouso sem danos”, disse Huang Kewu, diretor-adjunto do departamento de exploração lunar tripulada no 5º instituto de pesquisa da CASC, em declaração à emissora de TV estatal CCTV.

“Esta nova geração de espaçonave tripulada é projetada para atender às necessidades de nossas operações em nossa estação espacial e na exploração lunar tripulada no futuro”, disse.

“As conquistas em tecnologias de transporte espacial tripulado nos permitiram dar um salto, de correr atrás dos líderes para ficar ao lado deles, e isso estabelece uma base tecnológica sólida para nossa futura espaçonave lunar tripulada”, acrescentou.

Faça um comentário

Continue lendo...

Em alta