BÁRBARO: Dupla é presa ao matar mulher a facadas e incendiar casa após tentar matar apenado

Após matar a mulher os suspeitos atearam fogo na casa da vítima...

0
461

Wiliton Vitor de Oliveira, 23 anos e João Batista Neris da Silva, 40 anos, foram presos em flagrante durante a noite de terça-feira (24), após assassinarem uma mulher identificada apenas como Regina de aproximadamente 30 anos, com vários golpes de faca, em seguida colocaram foto na casa da vítima localizada na Rua 911, bairro Setor 9, município de Vilhena, em seguida fugiram em duas bicicletas.

De acordo com informações de testemunhas, a vítima estava na companhia dos suspeitos na casa fazendo a janta quando teria se desentendido com um deles e acabou sendo esfaqueada pelos elementos que após aplicar mais de 10 golpes na mulher atearam fogo no imóvel que era de madeira e as chamas se alastraram e vizinhos acionaram o Corpo de Bombeiros para apagar o fogo e a Polícia Militar para atender o fato do Homicídio, pois a mulher já estava sem vida.

O local foi isolado e a perícia técnica fez os trabalhos de praxe e foi verificado que a vítima morreu com golpes no tórax, pescoço, braços e abdômen, posteriormente o corpo foi removido pela Funerária de plantão. Minutos depois a Polícia Militar foi acionada por um apenado monitorado por tornozeleira alegando que os suspeitos que mataram a mulher estavam em sua residência e eles tentaram o matar com uma faca, onde eles falavam que o apenado estava ouvindo escondido o que eles estavam falando.

Os policiais fizeram o cerco e conseguiram prender os elementos de posse de duas facas do tipo peixeira com vestígios de sangue e havia pela casa várias manchas de sangue, inclusive na bicicletas deles, mesmo assim não confessaram o crime. Diante dos fatos eles receberam voz de prisão e foram conduzidos para Unisp, onde foi feito o registro da ocorrência de homicídio.