Homem estupra filha e duas amigas dela ao mesmo tempo; ele filmava os abusos para se masturbar

O suspeito filmava toda ação criminosa para depois se masturbar enquanto tivesse sozinho...

0
1774
Um homem é suspeito de estuprar a filha, de 12 anos, e duas amigas dela, de 11 e 14 anos. Segundo o Conselho Tutelar, uma das crianças chegou a relatar que elas sofriam os abusos sexuais juntas, em um mesmo cômodo da casa. Os estupros, de acordo com as vítimas, ocorriam desde 2014. Segundo relatos, o homem filmava os abusos para se masturbar quando tivesse só em casa.
A avó da garota de 11 anos, Rosilene Pereira, de 56 anos, conta que sua neta e a colega são muito amigas da filha do suspeito. Segundo ela, as meninas nasceram e foram criadas juntas e estão sempre na casa da menina brincando.
Rosilene afirma que começou a suspeitar que algo estava acontecendo a partir do momento que a neta não queria mais passar os fins de semana na casa dela, já que ela mora na mesma rua do suspeito.
Ela conta que a neta contou que desde 2014 ele abusava dela. As meninas eram ameaçadas de morte para não contar. As vezes ele levava uma de cada vez no banheiro, outras vezes fazia com elas juntas, no mesmo cômodo. O suspeito teria fugido após as denúncias.
De acordo com a conselheira tutelar que acompanha o caso, as três meninas confirmaram o crime. Uma delas chegou a relatar que elas sofriam os abusos sexuais juntas algumas vezes.
O caso, que ocorreu em Guarujá-SP, segue sendo acompanhado pelo Conselho Tutelar e foi registrado na delegacia, como estupro de vulnerável. Nesta sexta-feira (18), as vítimas devem passar por exames no IML.