CBF receberá R$ 43,9 milhões se seleção faturar a Copa América

A CBF poderá embolsar US$ 7,5 milhões (cerca de R$ 28,9 milhões) do prêmio total para o vencedor da Copa América

0
39

Se o Brasil superar o Peru e conquistar o título da Copa América, a CBF vai embolsar US$ 7,5 milhões (cerca de R$ 28,9 milhões). Esse é o valor que a Conmebol pagará ao campeão do torneio. Caso a seleção seja derrotada domingo no Maracanã, o prêmio será de US$ 5 milhões (R$ 19,2 milhões). Ao montante ainda somam-se mais US$ 4 milhões (R$ 15,4 milhões), pagos independentemente do desempenho da seleção brasileira na competição, totalizando US$ 11,5 milhões (R$ 43,9 milhões) para os cofres da entidade.

Os US$ 4 milhões são divididos em três faixas: US$ 2 milhões (R$ 7,7 milhões) por participação, mais US$ 1 milhão (R$ 3,8 milhões) para preparação e US$ 1 milhão para logística.

Apenas as seleções da América do Sul têm direito a esses US$ 4 milhões. Japão e Catar, que disputaram o torneio como convidados, receberam cada um US$ 1,25 milhão (R$ 4,8 milhões). Bolívia e Equador, eliminados na primeira fase, ganharam apenas o dinheiro por participação, logística e preparação, sem qualquer tipo de premiação por desempenho.

A Conmebol dividirá US$ 70 milhões (R$ 268,7 milhões) entre as 12 seleções participantes da Copa América. O valor é recorde na história da competição. Na Copa América de 2016, disputada nos Estados Unidos, foram distribuídos US$ 21 milhões (R$ 80,6 milhões pelo câmbio atual).