Deputado Anderson sugere recomendação coletiva para que governador reveja atos que levaram a pedido de impeachment

Parlamentar defendeu que a tramitação do pedido de afastamento seja transparente.

0
121

Na sessão da Assembleia Legislativa de Rondônia de terça-feira (2), o deputado Anderson Pereira (Pros) sugeriu uma recomendação coletiva da Casa de Leis para que o governador Marcos Rocha (PSL) volte atrás em nomeações que realizou sem o aval do Parlamento.

A proposta foi apresentada durante discussões sobre pedido de impeachment, protocolado por um advogado no Poder Legislativo no início da semana. Segundo a acusação, o governante cometeu crime de responsabilidade ao violar artigo da Constituição Estadual com 16 nomeações de presidentes e dirigentes de autarquias e fundações estaduais, sem que os nomes tenham sido aprovados pela Assembleia.

Anderson lembrou que já tinha alertado o chefe do Executivo sobre um possível pedido de impeachment, por ocasião da única reunião que teve com o governante, para tratar do realinhamento salarial de agentes penitenciários e agentes de segurança socioeducativo.

“Eu não voto em impeachment para quem não tem nem 100 dias de Governo, mas se continuar do jeito que está, sem uma resposta efetiva para a população que votou em todos nós e no governador, que espera por estradas, escolas e hospitais, vai chegar um momento que vamos ter que tomar uma atitude”, alertou o parlamentar.

O deputado afirmou ainda que se o denunciante tiver mais denúncias, como vem declarando na imprensa, que apresente na Casa de Leis para serem devidamente apuradas.

Por fim, Anderson Pereira defendeu que a tramitação do pedido de impeachment seja transparente, conforme já garantiu o presidente Laerte Gomes (PSDB), bem como coerência na decisão dos deputados.