Jean Oliveira quer Delegacia da Mulher em Alta Floresta D’Oeste

“A reivindicação da implantação da Delegacia da Mulher em Alta Floresta D’Oeste continua de pé. Como no momento não há condições de atender, vamos confiar que a Sesdec vai procurar reunir condições para num futuro próximo atender nosso pedido”, disse o deputado.

0
40

O deputado Jean Oliveira (MDB) encampando a reivindicação da psicóloga Jarismara Quednau reivindicou junto Secretaria de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania –  Sesdec, a instalação da Delegacia da Mulher em Alta Floresta D’Oeste.

A idéia de implantar a Delegacia da Mulher, relata a psicóloga Jarismara Quednau, foi concebida após uma pesquisa realizada em 2016, junto a Delegacia de Polícia Civil de Alta Floresta D’Oeste, para realização do TCC – trabalho de conclusão do curso de psicologia.

A psicóloga explica que a mulher agredida ao chegar à delegacia para registrar a queixa é atendida por policiais homens sem nenhum treinamento para aquele tipo de atendimento, causando constrangimento ainda maior a essa mulher que já se encontra no estado de vulnerabilidade.

Via assessoria o projeto da psicóloga chegou ao conhecimento do deputado Jean Oliveira, e do vereador Alex da P-42. Ao tomar ciência do documento, o deputado se prontificou a marcar uma audiência com o secretário de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania, para discutir o assunto.

Na quinta-feira (14), o deputado Jean Oliveira, o vereador Alex da P-42 e a psicóloga Jarismara Quednau estiveram em audiência com o secretário da Sesdec, Coronel PM José Hélio Cysneiros Pachá e o secretário adjunto da Sesdec, Del Hélio Gomes Ferreira, e depois, estiveram com o Delegado Geral da Polícia Civil, Samir Fouad Abboud.

Nas audiências foi informado ao deputado e aos demais que no momento a Sesdec não tem condições de implantar a Delegacia da Mulher em Alta Floresta, mas, enquanto não se reúne as condições necessárias para a implantação, uma equipe de policiais será capacitada para fazer de forma especializada o atendimento às mulheres na delegacia de Alta Floresta ‘Oeste.

“A reivindicação da implantação da Delegacia da Mulher em Alta Floresta D’Oeste continua de pé. Como no momento não há condições de atender, vamos confiar que a Sesdec vai procurar reunir condições para num futuro próximo atender nosso pedido”, disse o deputado.