Bombeiros fazem linda homenagem às vítimas de Brumadinho e emoção toma conta de todos

Os dados da busca atualizados na quinta-feira (31) contabilizavam 110 mortos, sendo 71 deles identificados e 39 ainda sem identificação no Instituto Médico Legal (IML); 238 desaparecidos; 192 resgatados; 394 localizados e 108 desalojados.

0
204

O rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, Região Metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais, completou uma semana nesta sexta-feira (1º) e o dia foi marcado pela linda homenagem que os homens do Corpo de Bombeiros fizeram às vítimas da tragédia.

Pelo alto, em um helicóptero, agentes lançaram pétalas de flores sobre a lama endurecida que tomou conta da parte da cidade de Brumadinho depois que 13 milhões de metros cúbicos de rejeitos de minério vazaram da barragem da Vale.

As flores foram ganhas através de doações que foram entregues em um local próximo ao Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte. No chão, as flores ficaram dispostas em uma das macas usadas no resgate das vítimas no primeiro dia de buscas.

Segundo a assessoria do Corpo de Bombeiros, a bandeira do Brasil será hasteada em um dos locais onde as vítimas foram encontradas, próximo de onde estava o refeitório da Vale que foi varrido pelo mar de lama e rejeitos de minério. Minuto de silêncio e prestação de continência também serão feitas.

Os dados da busca atualizados na quinta-feira (31) contabilizavam 110 mortos, sendo 71 deles identificados e 39 ainda sem identificação no Instituto Médico Legal (IML); 238 desaparecidos; 192 resgatados; 394 localizados e 108 desalojados.

As buscas prosseguem pelos próximos dias, mas já é praticamente certo que nem todos os desaparecidos vão ser encontrados. Com o passar dos dias, os corpos já entraram em avançado estado de decomposição e os bombeiros passaram a usar máscaras para fazer o resgate.