Avião fica sem combustível e faz pouso forçado com 150 quilos de maconha

Quando os militares avistaram a aeronave, onde havia dois suspeitos, ordenou a rendição dos mesmos, mas somente o piloto obedeceu.

0
174

Uma aeronave carregada com 150 quilos de maconha ficou sem combustível e teve que fazer um pouso forçado em uma propriedade rural na terça-feira (17), em Jaciara (a 143 km de Cuiabá). Um suspeito foi preso e outro fugiu após trocar tiros com a Polícia Militar.

A PM havia sido informada de que uma aeronave havia feito um pouso forçado na fazenda Nossa Senhora Aparecida, na MT-457. No local, um policial que estava de folga percebeu a situação e abordou os suspeitos, que informaram que precisavam abastecer, mas levantaram voo e foram embora.

Logo depois, chagou a informação de que uma aeronave teria caído em outra propriedade nas proximidades da cidade. A polícia foi até o local e o proprietário relatou que, após outro pouso forçado, dois homens começaram a descer e esconder algumas malas em meio à mata próxima.

Quando os militares avistaram a aeronave, onde havia dois suspeitos, ordenou a rendição dos mesmos, mas somente o piloto obedeceu. O segundo saiu correndo em meio à mata, onde chegou a trocar tiros com a PM.

Uma busca foi realizada, mas o criminoso não foi encontrado. Em depoimento, o piloto afirmou ter sido sequestrado e obrigado realizar tal transporte e alega não conhecer o suspeito que fugiu.

Ainda durante a varredura, foram encontradas seis malas contendo os 150 kg de droga.