Jovem é é executado com três tiros no bairro Embratel de Vilhena

A vítima é velha conhecida da polícia, tem diversas passagens por tráfico, furtos entre outros...

0
253

Weverton Henrique da Silva Pereira, de 19 anos, conhecido por “Bolacha”, foi executado com pelo menos três tiros de pistola calibre 380, na noite desta quinta-feira, 10, na Rua Joaquim Nabuco, no Bairro Embratel, em Vilhena.

De acordo com informações colhidas no local, a vítima transitava pela rua citada, quando dois elementos se aproximaram e dispararam contra ele que tentou fugir, mas foi alvejado com pelo menos três tiros e caiu morto. No local do crime, a Polícia Cientifica (Politec) recolheu sete capsulas deflagradas de pistola calibre 380.

A vítima é velha conhecida da polícia, tem diversas passagens por tráfico, furtos entre outros. Já foi vítima de uma tentativa de assassinato ocorrido em 22 de outubro de 2016, quando estava sentado em frente uma casa na Avenida Rondônia, foi atingido por vários golpes de faca.

Contudo, no dia 02 de novembro de 2016, a polícia recebeu informação que um homem portava um revólver numa loja de conveniência no pátio de um posto de combustível, ao chegarem no local prenderam Adilson Alves, de 27 anos, que confessou ter sido ele quem tentou matar Bolacha a facadas no mês anterior. A vítima completaria 20 anos, no próximo dia 19.

Após os trabalhos da perícia, o corpo foi liberado para funerária São Matheus fazer a remoção.