Dia de Conscientização do Autismo é discutido nesta segunda na ALE

Sessão Solene foi requerida pelo deputado Léo Moraes e inicia a partir das 8h

0
188

O deputado Léo Moraes (PTB) requereu à Mesa Diretora e teve aprovado o requerimento para a realização de sessão solene no próximo dia 2 de abril, às 8h, no plenário da Assembleia Legislativa, em alusão ao Dia de Conscientização do Autismo.

Chamado de Transtorno de Espectro Autista (TEA), o autismo altera as capacidades dos indivíduos de interagir com o meio, por afetar três áreas importantes do desenvolvimento de uma pessoa: a comunicação, a socialização e o comportamento.

“Nossa intenção é ajudar na conscientização sobre o autismo com o objetivo de ajudar a melhorar as condições de vida das crianças e adultos que sofrem com esse transtorno, que afeta aproximadamente 2 milhões de pessoas no Brasil e mais de 70 milhões no mundo”, afirma Léo Moraes.

Autismo

O Dia Mundial da Conscientização do Autismo, ou simplesmente Dia Mundial do Autismo, é comemorado dia 2 de Abril.

A data serve para ajudar a conscientizar a população mundial sobre o autismo, um transtorno no desenvolvimento do cérebro que afeta milhões de pessoas em todo o mundo.

Origem

O Dia Mundial de Conscientização do Autismo foi criado pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 18 de dezembro de 2007, com o intuito de alertar as sociedades e governantes sobre esta doença, ajudando a derrubar preconceitos e esclarecer a todos.

Brasil

No Brasil, o Dia Mundial do Autismo é celebrado com palestras e eventos públicos que acontecem por várias cidades brasileiras. O objetivo é o mesmo em todo o lugar, ajudar a conscientizar e informar as pessoas sobre o que é o autismo e como lidar com a doença.

Nesta data, vários pontos turísticos do país são iluminados de azul, cor que simboliza o autismo.

O que é o autismo?

O autismo pertence a um grupo de doenças do desenvolvimento cerebral, conhecido por “Transtornos de Espectro Autista” (TEA).

Os sintomas do autismo são: fobias, agressividade, dificuldades de aprendizagem, dificuldades de relacionamento, por exemplo. No entanto, vale ressaltar que o autismo é único para cada pessoa. Existem vários níveis diferentes de autismo, até mesmo pessoas que apresentam o transtorno, mas sem nenhum tipo de atraso mental.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here